ÁUDIOS DE SERGIO MACHADO DERRUBAM MAIS UM MINISTRO DE TEMER

Depois de Romero Jucá (PMDB-RR), que caiu do Ministério do
Planejamento ao ser gravado por Sergio Machado, numa conversa em que confessa
que o impeachment foi uma trama para parar a Lava Jato, o governo interino de
Michel Temer perde seu segundo ministro. Fabiano Silveira, que responde pelo
ministério da Transparência, Fiscalização e Controle, a antiga Controladoria
Geral da União. entregou no início desta noite, a carta de demissão
do cargo.
A decisão do ministro foi tomada após a enorme
repercussão negativa da divulgação de sua conversa com o presidente do Senado,
Renan Calheiros (PMDB-AL), na qual ele criticou a condução da Operação Lava
Jato pela Procuradoria Geral da República (PGR). A conversa foi gravada por
Sérgio Machado e divulgada na noite de ontem no fantástico.
Temer havia avaliado inicialmente que o caso de
Fabiano Silveira era “menos grave” que o do senador Romero Jucá.

Durante toda esta segunda-feira, servidores do
Ministério da Transparência (antigo CGU) protestaram contra a permanência de
Fabiano Silveira. 

Uma ideia sobre “ÁUDIOS DE SERGIO MACHADO DERRUBAM MAIS UM MINISTRO DE TEMER

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *