Emenda de Rafael Leitoa contribui para a reestruturação do Hospital Municipal de Coelho Neto

O deputado estadual Rafael Leitoa (PDT) comemorou, na sessão plenária desta terça-feira (7), a entrega à população do hospital municipal de Coelho Neto, que foi reestruturado e ampliado pela Prefeitura. Leitoa encaminhou R$ 300 mil em emenda parlamentar, valor utilizado para a compra de equipamentos e empregado, também, na reforma da unidade de saúde.

O hospital foi equipado com novo centro cirúrgico, 100 leitos e cinco unidades de parto normal. “A emenda que enviamos possibilitou a aquisição de grande parte dos equipamentos. Esse recurso chegou em boa hora, com certeza”, disse o deputado, destacando o trabalho do prefeito Américo de Sousa.

Leitoa prosseguiu: “Coelho Neto tem uma UPA que recebe R$ 50 mil mensais de recursos federais e parabenizamos o prefeito pela gestão desses recursos e pelas medidas de controle tomadas para combater o coronavírus, como a transferência de pacientes para Caxias e Timon. Estamos atentos às necessidades da cidade. Boa sorte aos coelhonetenses”, finalizou Leitoa, que durante a sessão ainda parabenizou a deputada Valéria Macedo (PDT), pelo seu retorno à Assembleia, como suplente de Ana do Gás, e o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, eleito presidente do Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde.

 

 

JUSTIÇA ESTADUAL GARANTE ATENDIMENTO À ADVOCACIA POR VIA TELEFÔNICA E OUTROS MEIOS DE COMUNICAÇÃO

Adequando-se às novas formas de organização e prestação dos serviços públicos diante do cenário de pandemia da Covid-19, a Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão autorizou o atendimento de advogadas e advogados e também da parte por via telefônica e outros meios de comunicação em todas as unidades judiciais de 1º grau do Poder Judiciário do Estado do Maranhão.

O provimento, assinado pelo Desembargador Paulo Sérgio Valten Pereira, determina que, através desse atendimento, podem ser prestadas informações acerca de andamento processual, realizado o agendamento de atendimento e esclarecidas dúvidas sobre a tramitação de processos.

“Mais uma vez, a Corregedoria Geral da Justiça se mostra preocupada com o exercício da advocacia, entendendo que, no atual momento de crise, é necessário adotar novas vias para a realização da atividade da classe, sempre respeitando as medidas de proteção ao coronavírus”, declarou o presidente da OAB Maranhão, Thiago Diaz.

A respeito de autos de processo que tramite em segredo de justiça, foi publicado que as informações estarão restritas às partes e aos seus procuradores. Tais informações serão prestadas apenas se for possível identificá-las pelo meio de comunicação utilizado.

 

Governo promove visita a casarões do Centro Histórico que terão uso como moradia

A Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), por meio do Programa Nosso Centro, iniciará nesta terça-feira (7) visitações aos imóveis da administração pública para uso habitacional, localizados no Centro Histórico de São Luís.

Os imóveis fazem parte do edital do projeto Habitar no Centro, um dos eixos do Programa Nosso Centro, que tem por objetivo tornar o Centro Histórico uma referência em renovação e desenvolvimento sustentável, preservando seu valor histórico e cultural.

De acordo com o secretário da Secid, Raimundo Reis, o governo avança e investe em obras e ações estruturantes na região central da cidade. “Onde antes tínhamos casarões desocupados, agora teremos espaços para uso habitacional, estimulando a circulação de pessoas, integrando negócios para gerar emprego, renda e movimentação econômica da região do Centro de São Luís”, disse.

O edital está aberto para Organizações da Sociedade Civil (OSC) que estejam interessadas em celebrar acordo de cooperação para gestão condominial dos imóveis que serão disponibilizados para habitação. Para participar das visitas, os membros das OSCs devem preencher um formulário disponível no site da Secid (www. secid.ma.gov.br).

A secretária adjunta de Assuntos Metropolitanos da Secid, Arlene Vieira, informou que, na página da secretaria, as pessoas têm acesso desde os editais até as plantas dos casarões que estão disponíveis no certame. “A visitação será apenas para o edital Habitar no Centro, as organizações sociais que apresentarem interesse em participar do concurso só precisam acessar o site e participar dessa iniciativa do governo estadual que vai incrementar a ocupação do espaço”, esclareceu.

As visitas estão programadas para os dias 7, 14 e 21 deste mês, sempre no horário das 14h. O prazo para marcar a participação nas visitas segue até o dia 19.

Polo habitacional

O edital Habitar no Centro vai selecionar Organizações da Sociedade Civil para fazerem a gestão de 48 unidades de habitação (apartamentos) em cinco prédios no Centro Histórico de São Luís, que estão localizados na Rua das Hortas, nº 270; Rua dos Craveiros, nº 122; Rua de Santaninha, nº 418; Rua da Palma, nº 247; e Avenida Magalhães de Almeida, nº 167.

 

 

 

POLÍCIA CIVIL PRENDE CASAL SUSPEITO DE TRAFICO DE DROGAS EM NOVA OLINDA/MA.

A equipe da Polícia Civil de Santa Luzia do Paruá/MA prendeu, em flagrante, um homem e uma mulher pelos crimes de Tráfico de Drogas e Associação para o Tráfico. A delegacia pertence à 8ª Delegacia Regional de Zé Doca e as prisões foram feitas por meio de sua equipe de capturas.

Após 40 dias de investigações, que tinha como alvo um casal que traficava drogas onde residiam, no bairro trator, Nova Olinda do Maranhão/MA, foi observado grande movimento de usuários no local, e hoje a equipe de investigação teve a informação que o homem estaria em uma moto Bros vermelha fazendo entrega de drogas a pequenos traficantes da cidade.

O alvo foi visto e abordado às margens da rodovia BR 316, no Centro da cidade de Nova Olinda, e após busca pessoal, foi encontrada uma pedra média de crack pesando 10g com o investigado.

Em seguida, a equipe foi à casa do flagranteado e solicitou que sua companheira os acompanhasse até a Delegacia para ser submetida a uma revista pessoal, pois ela também era alvo da investigação e, durante a revista, foi encontrada nas suas partes íntimas três pedras de crack de tamanho médio, pesando 10 gramas cada, além da quantia de 200 reais em dinheiro trocado. O casal já tem condenação por crime de Tráfico na cidade de Viana/MA.

 

 

O Estado realiza melhorias na infraestrutura urbana do Alto do Turu

Em São Luís, o bairro Alto do Turu faz parte de um complexo que integra a conexão de muitas famílias na capital. Devido à antiga pavimentação desgastada e a ação de intensas chuvas, algumas das principais vias do bairro estavam praticamente com crateras abertas impossibilitando a passagem de veículos.

Embora as vias urbanas sejam de responsabilidade municipal, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), tem realizado um trabalho de restauração da área, para auxiliar na mobilidade da população.

Na Avenida 1, uma das principais do Alto do Turu, as equipes da Sinfra seguem trabalhando para finalizar os serviços de aplicação da nova camada asfáltica no local. É uma via importante de intersecção com a Av. Nossa Senhora e complementa a mobilidade do bairro.

A área também recebe serviços de drenagem, que será fundamental para o escoamento da água durante o período chuvoso. Os trabalhos têm sido executados buscando obedecer todas as normas de segurança sanitárias, para garantir que a comunidade possa ter acessibilidade com qualidade.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto, esse trabalho faz parte do compromisso da gestão Flávio Dino no Governo do Estado, com a população, proporcionando vias seguras, dando acesso a serviços e investimentos no bairro.

“A população do Alto do Turu merece esse investimento. Alguns pontos já receberam pavimentação e, em breve, esperamos ter a obra 100% concluída, e finalmente, a comunidade vai superar a fase difícil do inverno, por ruas bem pavimentadas e sem alagamentos”, afirmou Clayton Noleto.

O Governo do Estado segue, também, executando trabalhos de melhorias nas MAs que interligam a capital maranhense. A MA-201, por exemplo, terá a continuidade dos serviços de melhoramento, incluindo a implantação de retornos, que serão realizados a partir da próxima semana. Logo após a implantação destes serviços, toda a sinalização da rodovia será revitalizada.

Sá Marques cobra do Executivo reajuste digno a servidores públicos municipais

A Câmara Municipal de São Luís realizou mais uma sessão remota nesta sexta-feira (3). Durante a sessão foi apreciada uma mensagem do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, no que diz respeito ao reajuste dos vencimentos dos servidores públicos. Dos 31 vereadores, foram 29 votos favoráveis e duas abstenções, dos vereadores Honorato Fernandes e Sá Marques.

“Eu vereador Profº Sá Marques me abstive, por não concordar com este acinte de ter que votar a favor de um reajuste para educadores de apenas 2,6% depois de 5 anos e isso só para aproximadamente 30 servidores da educação, cadê o respeito a toda categoria, cadê o respeito ao piso salarial? Além do mais não haverá nenhum reajuste para os outros servidores públicos municipais. Evidente que sou a favor do reajuste a todos os servidores públicos municipais, todo trabalhador tem direito a um salário digno, mas que este reajuste seja feito de forma justa, de forma legal. Portanto é um acinte é uma afronta reajustar vencimento dos educadores, dos profissionais da educação, tão fundamentais para a formação de todos em apenas 2,6%, e nenhum reajuste, nada, seja estendido a outros servidores municipais, fica aqui o meu protesto contra essa política de não valorização dos profissionais da educação, de não valorização dos servidores públicos municipais, que trabalham dignamente pela população da nossa cidade de São Luís”, frisou Sá Marques.

O parlamentar reforçou que permanece na trincheira, na luta pela valorização da classe trabalhista, postura que sempre adotou na Câmara Municipal de São Luís. Sá Marques ao longo do seu mandato, sempre buscou melhorias salariais e de condições de trabalho a servidores e população em geral, sempre ao lado do trabalhador.

“Devemos sempre lutar por todos aqueles que fazem verdadeiramente a riqueza do país, que é a classe trabalhadora. Lamento, é muito triste, e o vereador Profº Sá Marques jamais votaria contra aqueles que são os mais fracos na estrutura, na pirâmide, do serviço público brasileiro, que são os trabalhadores. A data base foi em maio, devemos valorizar todos os servidores municipais, são quase 30 mil. Permanecemos na luta”, reforçou Sá Marques.

Vale lembrar que a data base dos servidores públicos municipais venceu em maio e o prefeito Edvaldo Holanda Júnior não reajustou, mesmo sendo lei, protelou para cair na Lei Complementar 173 do Governo Federal que foi publicada em 28 de maio, em uma clara tentativa de “empurrar com a barriga para ganhar tempo”

 

Governo do Estado entrega Rua Digna à comunidade da Vila Maranhão

O Governo do Estado entregou mais uma rua pavimentada aos moradores de São Luís. Trata-se da Rua Digna, na Vila Maranhão, localizada ao lado do Centro de Ensino Vila Maranhão, que foi, recentemente, reformado e disponibilizado à população da região. São duas obras importantes que, agora, trouxeram mais conforto e segurança aos moradores dessa localidade.

A entrega da obra seguiu os protocolos exigidos pelos órgãos de saúde, neste momento de pandemia da Covid-19, entre os quais o de distanciamento social, além do uso obrigatório de máscaras para minimizar a proliferação do novo coronavírus.

A obra de pavimentação foi realizada pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) em parceria com o Projeto Mutirão da Comunidade. Os investimentos, da ordem de R$ 80.000,00, possibilitaram a realização de reparos estruturais na rua.

Até a entrega da Rua Digna para os moradores, foram realizados diversos serviços necessários para que a pavimentação fosse totalmente concluída, entre os quais a limpeza da rua, o corte, a compactação, colocação da base, chamada de colchão de areia, o assentamento de bloquetes, entre outros. Nas laterais da rua, foram construídos meios-fios, sarjeta e calçadas.

Maria Alves de Sousa, líder comunitária, contou que a falta de estrutura da rua vinha se arrastando há anos e afirmou que poucos se importavam com aquela comunidade. “Esse problema em nossa rua era centenário, uma falta de respeito com a comunidade. Hoje, na gestão do governador Flávio Dino e com a luta da nossa diretora, as coisas aconteceram. Nós, aqui da Vila Maranhão, estamos de parabéns, devido a essa rua maravilhosa. Estamos muito felizes. O nosso agradecimento ao secretário de Educação, ao governador e toda a equipe que ajudou a realizar esse sonho”, declarou.

A gestora do Centro de Ensino Vila Maranhão, Maria Ilda de Sousa Santos, que recebeu recentemente a escola toda reformada, com estrutura adequada para a prática do ensino, expressou a sua alegria ao ver que a rua que fica ao lado da escola em que trabalha foi totalmente pavimentada.

Eu achei muito boa a intervenção. Foi um momento muito esperado, de anos de luta e sonho realizado. Essa intervenção veio alentar o nosso coração e nos deixou mais felizes. Agradecemos o governador Flávio Dino e o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão. Que Deus abençoe e proteja todos que fazem parte da equipe de governo”, agradeceu a gestora.

O secretário adjunto de Administração da Seduc, Daniel Carvalho, ressaltou a importância da obra entregue para os moradores da Vila Maranhão e acrescentou que o Governo do Estado está no rumo certo para garantir mais dignidade aos maranhenses.

“Após a entrega do CE Vila Maranhão que, agora, é uma Escola Digna totalmente reformada e revitalizada, estamos entregando, hoje, a Rua Digna, que fica em frente à escola. Essa obra foi idealizada pelo governador Flávio Dino e pelo secretário Felipe Camarão para dar mais conforto e tranquilidade, tanto para a comunidade, que está diretamente inserida no local, que é a comunidade da Vila Maranhão, quanto para os estudantes e professores, que terão acessibilidade para ir e vir à escola. Seguimos avançando e sempre priorizando o bem-estar do nosso povo”, afirmou Daniel Carvalho.

 

Maranhão perde menos empregos na pandemia entre estados do NE

O governador Flávio Dino enfatizou dois pilares importantes no combate ao coronavírus no Maranhão: medidas assistenciais e o cumprimento das regras sanitárias. Ele destacou ainda os dados divulgados pelo Governo Federal que apontam que, dentre os estados da região Nordeste, o Maranhão foi o que menos perdeu empregos formais.

“Todo o esforço que estamos fazendo vale a pena. Infelizmente nós ainda não vencemos o coronavírus. Hoje o quadro é bem menos grave do que os meses anteriores. Porém, em termos nacionais, estamos muito longe de vencer o coronavírus. Sublinho a imperatividade de que todos observemos as regras sanitárias”, assegurou Dino.

Durante a coletiva, o governador citou que o Maranhão permanece com a menor taxa de contágio do país. “O nosso estado continua sendo o estado brasileiro com a menor taxa de contágio do país. Essa semana, estudo feito pela PUC-RJ e FGV, mostra que permanecemos com a menor taxa contágio. Estamos lutando com essa meta e sabemos que todo esforço tem valido a pena nessa luta que é diária”, pontuou o governador.

“Estabilidade, essa é a síntese desta semana quanto à pandemia do coronavírus no Maranhão. Os casos ativos caíram nos últimos 30 dias e nós estamos lutando para que essa tendência se mantenha. O cumprimento das regras sanitárias é vital para o alcance dessa meta”, complementou o governador do Maranhão.

Taxa de letalidade

O Maranhão permanece com a taxa letalidade abaixo da média brasileira. Na coletiva, o governador mostrou gráfico sobre a relação óbitos x comorbidades. No Maranhão, 87% das pessoas que faleceram tinham comorbidades, como hipertensão e diabetes. Já 13% das pessoas que faleceram não tinham histórico de comorbidades.

“Não é verdade que só morre de coronavírus quem tem comorbidade. Mesmo que a pessoa não tenha outras patologias, ela também pode entrar, infelizmente, nessa terrível estatística. Não há dúvida que a probabilidade desse desfecho indesejado é maior quando estamos na presença de outras doenças pré-existentes. Então essas pessoas precisam ter cuidados adicionais”, demonstrou o governador.

 

Monte Castelo recebe asfalto após requerimento do vereador Dr. Gutemberg

O vereador Dr. Gutemberg Araújo (PSC) tem trabalhado forte para garantir o recapeamento asfáltico em diversas vias do bairro Monte Castelo. Após o requerimento do parlamentar à Prefeitura de São Luís, já foram contempladas à Av. Luís Rocha e mais 11 Ruas. Até o momento já foram colocadas 149 toneladas de asfalto no bairro.

“Asfalto novo é sinônimo qualidade de vida para todos. Contribui com o bem-estar da população, melhora o tráfego de veículos e a segurança dos pedestres. Agradeço ao Prefeito Edivaldo Holanda e ao secretário de Obras, Antônio Araújo, por atender as reivindicações dos nossos moradores”, disse Dr. Gutemberg.

Dr. Gutemberg tem acompanhado de perto as obras na: Av. Luis Rocha; Rua Helton Belo, Rua 24 de Outubro, Rua 1 de Janeiro; Rua 19 de Março, Rua Manoel Beckman; Rua 11 de Outubro, Rua da Carioca l; Rua Travessa Veneza, Rua Veneza, Rua Primavera, Rua Formosa e Rua irmãos Coragem.

Tradicional bairro de São Luís, o Monte Castelo tem um significado especial para o vereador. “Neste bairro, moram meus pais. Sempre venho visitar minha mãe e amigos. Além do asfalto, também já proporcionamos diversas ações sociais neste bairro que tenho no meu coração”, disse.

No ano passado, foi sancionada a Lei do vereador Dr. Gutemberg (Lei nº 6.621/2019), que instituiu a última semana de junho como a Semana de Aniversário do bairro Monte Castelo.

“Devido à pandemia, não podemos celebrar com uma grande festa. Mas vamos seguir com o nosso papel, buscando benefícios para os moradores”, destaca Dr. Gutemberg.

Contabilizadas mais de mil prisões no interior do Estado no semestre

A Segurança Pública intensificou operações e ações de rotina na contenção do crime em todo o Estado, com reforço nas cidades do interior. O trabalho, desenvolvido pela Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), integra planejamento para combate a casos como assaltos, roubo de cargas e o tráfico de drogas e armas. De janeiro a junho deste ano, foram mais de mil prisões – incluindo membros do crime organizado – apreensão de mais de 140 armas de fogo e mais de 800 quilos de drogas.

“O cenário é de risco e de consequências irreparáveis para a população, diante da pandemia do novo coronavírus. No que diz respeito à segurança pública, a Polícia Civil tem colocado à disposição todo um aparato para a manutenção da segurança, proteção das pessoas e controle da criminalidade”, pontua o titular da SPCI, delegado Guilherme Luiz Campelo dos Santos. As operações têm apoio das delegacias regionais e municipais, demais superintendências da Policia Civil e Polícia Militar.

Do total de prisões – 1012 – mais de 450 são flagrantes. A SPCI contabiliza ainda a apreensão de 143 armas de fogo (incluindo fuzis), 853 quilos de drogas diversas (maconha, cocaína e crack), além de mercadorias contrabandeadas, dinheiro em espécie, álcool em gel falsificado, quase cinco mil munições, veículos, dinamite, aparelhos celular e carga de soja avaliada em R$ 250 mil.

Entre os casos está operação no município de Zé Doca, em maio, para combate à venda ilegal de arma de fogo. A ação resultou em uma prisão e apreensão de 2.953 munições de diversos calibres. Com o suspeito a polícia encontrou ainda acessórios (espoletas, pólvoras, balins, estojos vazios) e mais de R$ 1,3 mil em dinheiro. No início de junho, a SPCI desarticulou quadrilha de assalto a banco, com prisão de cinco pessoas e apreensão de cinco fuzis, uma pistola, dinamites e várias munições.

Em 14 de junho, na operação Corta Fogo, em Pedreiras, a polícia apreendeu 1.880 munições, armas de fogo e mais seis mil espoletas, comercializados ilegalmente na cidade. Foram apreendidos ainda vários remédios vendidos sob prescrição médica. Em operação contra roubo a carga, a polícia recuperou 180 toneladas de soja, avaliadas em R$ 250 mil. Seis pessoas foram presas em flagrante por furto qualificado e receptação.

Foi dado cumprimento a 13 mandados de prisão preventiva contra membros de organização criminosa e outros 10 mandados de busca e apreensão domiciliar, na operação denominada Carga Pesada. A quadrilha atuava no roubo a carga e caminhões no Maranhão e Piauí. Em Caxias, 70 frascos de álcool em gel falsificado foram apreendidos. A SPCI possui canal de denúncia no WhatsApp (98) 98422-5028, funcionando 24 horas e com sigilo da fonte garantido.

Apreensão de drogas

Em operações de combate ao tráfico de drogas, a SPCI contabiliza quase uma tonelada de apreensões, além de prisões. Em janeiro, na cidade de Pedro do Rosário, a polícia descobriu e incinerou mais de dois mil pés de maconha. Foram apreendidas armas de fogo, sementes, adubo, ferramentas para cultivo e três pessoas detidas em flagrante e autuadas por tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo.

Em fevereiro, na cidade de Buriticupu, um homem é preso com cerca de 40 quilos de maconha. Em maio, na cidade de Governador Newton Bello, operação resulta na apreensão de aproximadamente 250 quilos de maconha. Na cidade de Luís Domingues, carga com mais de 800 caixas de cigarros contrabandeados – cerca de 170 mil cigarros, foi interceptada em barreira policial. E em junho, em Buriticupu, apreensão de mais 80 quilos de maconha, cinco armas, quatro motos e ainda, quatro suspeitos presos.