Prefeitura de São Luís promove reunião on-line para conhecer Parque Tecnológico em Santa Catarina

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Inovação, Sustentabilidade e Projetos Especiais (Semispe) e o município de Lages, na Serra Catarinense, puderam trocar experiências sobre tecnologia e sustentabilidade. O encontro entre representantes da assessoria de Cidades Inteligentes e autoridades de Lages, foi motivada pelo interesse da capital maranhense em conhecer o Orion Parque Tecnológico, primeiro centro tecnológico público de Santa Catarina.

O Orion é o principal vetor de transformação criativa e tecnológica da região serrana de Santa Catarina. Em menos de cinco anos, mais de 50 empresas e startups de diversos segmentos já faturaram juntas mais de R$ 200 milhões. Ao todo, aquele estado deve implantar 13 centros tecnológicos planejados pelo Governo do Estado para as cidades de Blumenau, Brusque, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Rio do Sul, São Bento do Sul e Tubarão.

“Seguindo a determinação do prefeito Eduardo Braide, estamos estudando e buscando referências positivas para serem implantadas e atender as demandas da cidade. Assumimos o compromisso de tornar São Luís melhor, e isso inclui o desenvolvimento de soluções inovadoras e criativas para nossa capital”, ressaltou a secretária da Semispe, Verônica P. Pires.

O Orion Parque foi inaugurado em 24 de junho de 2016, e é visto como uma experiência que deu certo a ser seguida em outras partes do Brasil. “O Orion Parque Tecnológico possui um modelo de negócios híbrido, empresas e startups instaladas em seu centro de inovação presencial e virtualmente, com acesso aos mesmos serviços de mentoria e escritórios virtuais, sem limitar o engajamento e deixar de impulsionar o ambiente de inovação da cidade de Lages. Isso nos faz acreditar que é possível implantar o projeto do Parque Tecnológico São Luís com muita inovação tecnológica’’, destacou Patrícia Trinta, assessora de Cidades Inteligentes da Semispe.

Apresentação

Durante a reunião, os representantes do Parque apresentaram a metodologia de implantação, o modelo de funcionamento e realizaram um tour virtual para que a equipe pudesse visualizar por completo o Orion. Os secretários municipais de Lages do Álvaro Mondadori e Thiago Cordeiro, o presidente do Orion Parque, Valmir Tortelli, e o diretor executivo do parque, Claiton Camargo de Souza, também se fizeram presente no encontro.

“O que nos dá mais orgulho é o fato de o Maranhão buscar a nossa experiência, uma capital buscando uma prática positiva de uma cidade de interior. Sabemos como foi desafiador o Orion chegar até onde está hoje’’, contou o diretor executivo do Orion Parque, Claiton Camargo de Souza.

A realidade do Orion Parque é a que mais se aproxima dos estudos e projeções que já estão sendo desenvolvidos pela assessoria de Cidades Inteligentes, o que aumenta ainda mais as chances de implantação desse modelo em São Luís.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *