Promotoria vai abrir procedimentos para apurar responsabilidades em acidente em Bacuri

A Promotoria de
Justiça de Bacuri vai abrir dois procedimentos investigatórios contra o
município de Bacuri na região da Baixada Maranhense, distante 500 km de São
Luís, para verificar as responsabilidades no acidente, ocorrido no início da
noite desta terça-feira, 29, que resultou na morte de oito estudantes e deixou
sete feridos, sendo dois em estado grave.

De acordo com
informações divulgadas na imprensa, o veículo que levava os estudantes
da escola Cristino Pimenta para o povoado Madragoa chocou-se com um
caminhão carregado de pedra e despencou em uma ribanceira.

A promotora de
justiça Alessandra Darub, titular da comarca, informou que as investigações
também irão atingir o menor de 17 anos que conduzia a D20 e o seu pai, que o
autorizou a dirigir sem habilitação.

Segundo a
representante do Ministério Público, os procedimentos contra o município irão
enfocar o transporte irregular de estudantes e as precárias condições do
hospital municipal. “No atendimento às vítimas, pude constatar in loco que
o hospital funciona sem nenhuma estrutura: não tem equipamentos suficientes,
laboratório, nem medicamentos; as paredes são mofadas. Além disso, só tinha um
médico de plantão”, relatou.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *